Skype e Google na mira da polícia indiana

31 08 2010

Não é de agora que as nações orientais tem se debatido e esperneado contra a cultura supostamente democrática ocidental. Diversas empresas de tecnologia que trabalham com redes de dados já tiveram que sambar na mão de chineses e afins para não acabarem proibidas de atuar nos países onde leis rígidas são aplicadas contra aqueles que tentam se expressar de forma mais privada.

Esta semana a RIM (fabricante do Blackberry) já teve que se adequar para evitar a mão pesada da proibição na Índia. As autoridades indianas exigiram o direito de poder bisbilhotar contas e emails gerenciados pela empresa, que acabou oferecendo uma contraproposta, dizendo que o Governo poderia acessar os emails sempre que houvesse a necessidade. O Governo da Índia disse que vai avaliar a proposta. Agora é esperar…

Parece que os próximos alvos da máquina proibitiva indiana é a Google e a Skype. Segundo o site CrunchGear, O Ministro do Interior indiano (o cara que cuida da força policial e de outros assuntos domésticos referentes à polícia), disse à BBC que  “qualquer empresa com uma rede de telecomunicações deveria ser livremente acessada” pelos serviços de segurança do país. Eles alegam que isso ajudaria a combater o terrorismo.

Contudo, sabemos que não é de hoje que muitos países – não só orientais – querem mesmo é manter os cidadãos nas rédeas curtas, e não são raras as situações em que usuários de email se ferram na mão da polícia quando são identificados como “subversivos”.

É claro que a segurança deve ser mantida, e os emails e outras informações de cidadãos suspeitos devem ser acessados desde que se prove uma necessidade real disso. Agora, usar a desculpa de segurança para proteger os interesses nem sempre justos de um Estado totalitário deveria ser motivo de sobra para uma empresa não se estabelecer em certos países. É óbvio que o dinheiro é que fala mais alto, e muitas empresa acabam amolecendo e aceitando as imposições dos países, o que é uma vergonha se olharmos do ponto de vista social.

E você, o que acha dessa decisão da RIM? E sobre a Índia e outros governos orientais? Será que estão forçando a barra? Será que a Google e a Skype correm esse risco? Ou será que nós, ocidentais, deveríamos continuar no nosso mundinho e deixar de tentar se meter na cultura dos outros? Deixe aí seu comentário.

Anúncios

Ações

Information

4 responses

1 09 2010
Virgílio

E olha que a Índia é um país “democrático”.

1 09 2010
Amauri Alves

POis é. É que a democracia de lá é diferente da nossa. Aliás, até a nossa democracia brasileira e diferente da dos EUA, né… Valeu pelo comentário 😉

1 09 2010
JOZUÉ ALVES

Caros Amigos. Boa Tarde!
Achei muito legal essa idéia de associar Ratos & Pinguins. Apesar de serem espécies muito diferentes, mas não está descartada a possibilidade de em determinadas situações, ou circunstâncias, eles conviverem harmonicamente. Diga-se também de passagem que a única espécie que é capaz de discriminar, é aquela a que pertence este que voz escreve! Na Natureza, tudo acontece de forma “Natural” seguindo suas Leis que sabiamente já estão impregnadas nos genes de cada espécie, exceto na nossa. Que apesar de nos julgarmos inteligentes e por isso mesmo melhores, somos por ironia, os únicos que nascemos com o nosso cérebro “branco”; zerado! sem sabermso absolutamente nada, tendo que cometer milhares de erros, se quizermos aprender alguma coisa. Outro detalhe interessante que vale a pena destacar:
1-Até os 21 anos somos “ninguém”. Incapazes; 2-Dos 21 aos 40, é o tempo que utilizamos para alicersar nosso conhecimento, colocá-lo em prática, casar, ter filhos, educá-los, e nos realizar profissionalmente; 3-Dos 41 aos 60, 3ª Idade, por conta dos Setereótipos Sociais e dos Sofismas Culturais, as oportunidades diminuem, a ponto de muito até se sentirem inúteis, e se suicidarem. 4-Quanto a mim, estou me preparanda para a 4ª Idade: Dos 61 aos 80 anos.
Caros amigos. Caso tais comentários possam ser interessantes, me façam saber. Pois certamente, tenho um Baú Cheio deles, além daqueles que surgem todos os dias em função do hábito de observer criticamente os tais “humanos” dos quais faço parte. abraço. Jozué.

1 09 2010
JOZUÉ ALVES

Erratas.
Perdão por alguns erros que só os notei depois de haver enviado o comentário.
Onde se lê Setereótipos, leia-se: Estereótipos. No ítem 4 – onde se lê preparanda, leia-se: preparando. Dou liberdade de corrigir outros que não notei em tempo.
Abraços.
Jozuealves.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: